As atividades sensoriais para bebês ajudam no desenvolvimento infantil, por isso, o Clube de Leitura Quindim separou algumas brincadeiras para estimular o seu bebê e ainda proporcionar muita diversão em família!

Conheça brincadeiras sensoriais para bebês que ajudarão a estimular seus sentidos!

Acompanhar o desenvolvimento infantil é supergostoso, não é verdade? Os bebês estão em uma fase constante de descobertas e aprendizados. Eles estão sempre explorando o mundo para sentir novas texturas, perceber novas formas e cores, ouvir sons até então desconhecidos e muito mais.

Cada dia reserva surpresas. Apesar dessa exploração ser algo natural, podemos realizar algumas atividades sensoriais para bebês que ajudam bastante no desenvolvimento. Por meio delas, a criança consegue se desenvolver com mais facilidade.

Já falamos aqui no blog sobre o Método Montessori e seus benefícios para os pequenos. Agora, você vai conhecer atividades de estimulação sensorial que são baseadas nessa metodologia de aprendizado.

Sendo assim, o que acha de aprender algumas atividades sensoriais para bebês que estimulam o desenvolvimento? Veja aqui!

1. Cesta dos tesouros

Atividades sensoriais para bebês. Caixa sensorial

Existem variados tipos de atividades sensoriais que devem ser escolhidas de acordo com a faixa etária do bebê. No caso da cesta dos tesouros, a vantagem é que ela pode ser utilizada em diversas idades — mas é mais indicada para bebês que tenham no mínimo 6 meses.

A cesta dos tesouros está entre uma das principais atividades sensoriais para bebês de 0 a 1 ano. Essa é uma possibilidade incrível e bem simples de fazer, pois você consegue usar objetos que tem em casa.

A atividade é bem sensorial e desperta os diferentes sentidos do bebê, favorecendo o desenvolvimento psicomotor. Confira os benefícios:

  • Visão: a criança percebe as cores, formas, brilhos e dimensões dos objetos.
  • Olfato: o bebê consegue sentir os odores.
  • Audição: ela percebe os sons dos objetos, os barulhos dos materiais e até o silêncio.
  • Tato: a criança toca, percebe as texturas, a variação de temperatura, forma e peso.
  • Paladar: por fim, o bebê leva os itens à boca e pode sentir os sabores e texturas.

Veja também: Como é o desenvolvimento dos sentido do bebê

2. Mesa de luz

Atividades sensoriais para bebês. Mesa de luz Montessori
Fonte: And Next Comes L

Essa é uma atividade que possibilita o contato do bebê com materiais que já até são conhecidos, mas que têm uma linguagem diferente. A mesa de luz consiste em pegar objetos já conhecidos pela criança e colocá-los em contato com a luz.

Dessa maneira, o item pode ser observado de outra forma, em um outro contexto. O recurso é inspirado na pedagogia de Reggio Emilia, que tem uma proposta educativa de exploração e experimentação.

A mesa pode ser apenas uma caixa de luz em formato de gaveta, onde a parte superior deve ser transparente. Dentro da caixa, utilize uma lâmpada, fitas de led ou outros instrumentos de iluminação.

Veja também: 30 livros que ajudam no desenvolvimento infantil

3. Mesa de experimentação

Atividades sensoriais para bebês. Mesa de experimentação Montessori

A mesa de experimentação é apenas o nome da atividade, mas a ideia é que a criança tenha um espaço sensorial em que possa aprender através de seus cinco sentidos. Essa está entre as atividades sensoriais para bebês de 1 a 2 anos e tem o intuito de ensinar por meio de brincadeiras.

Nela, a criança consegue manipular os objetos e aperfeiçoar a sua cognição e coordenação motora. Durante a brincadeira o bebê toca nos itens, percebe volumes, vê as cores, sente a temperatura e melhora suas habilidades.

4. Caixas de estimulação sensorial

Atividades sensoriais para bebês. Caixa sensorial para estimular as crianças

Uma caixa recheada de coisas que tem como resultado uma excelente estimulação sensorial. A ideia da caixa é bem parecida com a cesta de tesouros, entretanto existem algumas mudanças.

Pegue uma caixa de sapato ou de plástico, esconda alguns objetos e cubra-os com areia, arroz, pedrinhas, folhas ou outros objetos. Por meio do toque, a criança precisa descobrir do que se trata. Nesse sentido, a brincadeira é bem interessante para o desenvolvimento psicomotor e também incentiva a ampliação da linguagem.

Como a atividade precisa de um entendimento maior por parte da criança, a recomendação é que a caixa seja feita para crianças de 1 a 4 anos.

5. Painel sensorial

Assim como a cesta de tesouros e a caixa de estimulação sensorial, o painel é uma outra atividade que também tem foco no tato infantil. Como o painel é feito na vertical, a indicação é que seja direcionada para bebês a partir dos 6 meses, pois eles já conseguem ficar sentadinhos.

O painel nada mais é do que uma atividade que usa técnicas para desenvolver a coordenação motora fina. Para criar o painel, use objetos e itens que tenham texturas variadas para que a criança toque e perceba as diferenças.

Você pode colar no painel esponjas, pompons, fitas coloridas e o que mais achar interessante. Além disso, é possível mudar os objetos de tempos em tempos para que ele continue atrativo para o bebê.

Veja também: “Quiet book” ou livro sensorial é a melhor opção para estimular os sentidos do seu filho?

6. Garrafas sensoriais

A visão é um dos sentidos mais espetaculares e os bebês adoram observar o mundo ao redor. Pensando nisso, a criação de garrafas sensoriais é bastante enriquecedora, uma vez que essas atividades sensoriais favorecem ainda mais o desenvolvimento dos sentidos da criança — sobretudo a audição e a visão.

Por isso, utilize garrafas com diferentes formatos, tamanhos, pesos e cores. Depois, é só incrementá-las do jeito que preferir! Use miçangas, gel, glitter, líquidos, sementes e o que mais achar que seja atrativo e chame atenção do bebê.

7. Tapete de atividades sensoriais

O tapetinho é bem comum de ser usado quando os bebês começam a se movimentar mais. Afinal, o tapete é multifuncional e a criança pode ficar sentada brincando, encoraja para que o bebê comece a engatinhar sem se machucar, entre outras vantagens.

No caso do tapete de atividades sensoriais, a criança brinca desenvolvendo seus sentidos. Com suas mãos, pés e restante do corpo ela pode sentir as texturas, formas e materiais do tapetinho. O melhor de tudo é que é bem fácil de fazer e você pode usar materiais que tem em casa, como colchas e lençóis.

O tapete está entre as atividades sensoriais para bebês de 0 a 2 anos e apresenta muitos benefícios. Entre eles, podemos ressaltar o desenvolvimento da coordenação motora fina, estímulo à autonomia da criança e ao aprendizado, encoraja a tomada de decisões e outras vantagens.

8. Contato com a natureza

atividades sensoriais para bebês. Horta

A natureza produz estímulos completos para as crianças. Em um parque, podemos destacar os aromas das flores e plantas, o toque dos pés na grama e das mãos nas plantas e animais, a visão do local, sentir o vento e outros sentidos são despertados quando a criança interage com a natureza.

Ou seja, sair para passear com os pequenos e deixá-los explorar a natureza agrega um enorme aprendizado.

Veja também: Como fazer uma horta para crianças e quais os seus benefícios.

9. Tummy time

Traduzido como “hora da barriga”, o tummy time é aquele momento em que você pode deixar o bebê de barriguinha para baixo. Essa posição tem muitos benefícios para o desenvolvimento e fortalecimento físico do neném, mas não é só isso!

Quando fica de bruços, o bebê tem um campo de visão diferente e também pode brincar com diversos brinquedos colocados à sua frente. Portanto, o tummy time não é exatamente uma atividade sensorial, mas é uma dica interessante para aumentar a eficiência delas.

10. Leitura

Atividades sensoriais para bebês. Leitura

E é claro que a leitura entraria entre as atividades sensoriais! Desde a gravidez você já pode começar a ler para o bebê, e esse hábito pode ser mantido durante toda a infância. Contar histórias dos livros é uma maneira de promover as habilidades de escuta, bem como desenvolve a cognição e visão — já que os pequenos também gostam de ver as imagens dos livros.

A leitura ajuda no desenvolvimento infantil e melhora as habilidades de linguagem, auxilia na atenção e memória e ainda é uma ferramenta para aumentar o vínculo familiar. Ler para as crianças é divertido e elas adoram. Aproveite e crie vozes para os personagens, imite sons dos animais e faça caretas para atrair ainda mais a atenção do bebê.

As atividades sensoriais para bebês são formas de estímulo simples e que você pode fazer em casa, sem grandes dificuldades. Além disso, são alternativas bem divertidas e que acompanham aprendizados interessantes para as crianças.

Como você notou, a leitura tem benefícios magníficos para as crianças. Nesse sentido, o clube de leitura Quindim tem assinaturas com livros para bebês de 0 a 2 anos que foram escolhidos a dedo. Aproveite para conhecer!

Assine o Clube Quindim

APROVEITE ESTE MOMENTO PARA INCENTIVAR A LEITURA!