Entenda o que pode ser feito para superar a dificuldade em português do seu filho.

Você já deve ter conhecido alguma criança com dificuldade em português, certo? Afinal, a língua portuguesa não é das mais fáceis de se aprender. Contudo, desde que o bebê começa a falar já é possível começar a notar se há sinais de aprendizado.

O desempenho escolar é uma das maiores preocupações dos pais, mas o problema é que nem sempre os pequenos conseguem ter um alto rendimento – mesmo que se esforcem bastante para isso.

Tal realidade fica comprovada estatisticamente. De acordo com resultados amostrais do Saeb 2019, 45,26% dos alunos apresentam proficiência em Língua Portuguesa abaixo do nível 5 em uma escala que vai de 0 a 8, o que indica como essa é uma situação bastante comum.

Tropeçar nas palavras, ter dificuldade em reconhecer as letras e outras situações já podem acender o alerta. Nesse caso, é necessário buscar ajuda especializada para ter certeza da origem desse problema, sobretudo para evitar que o pequeno tenha dificuldade na escola.

Vamos entender o que pode estar causando a dificuldade para aprender português e como ajudar a criança? Então, confira o post até o final!

Causas para a dificuldade de aprender português

Você tem uma criança com dificuldade em português em casa. Então acesse este artigo e confira nossas dicas

Entender as causas da dificuldade em português é o primeiro passo antes de tomar qualquer atitude. A fala é uma das etapas desenvolvidas nos primeiros meses de vida dos bebês: eles emitem sons e balbuciam tentando se comunicar e emitir as primeiras palavras.

No trajeto de aprendizagem, principalmente quando começam a frequentar a escola, alguns problemas podem surgir. Uma das dificuldades está ligada à língua portuguesa, em que a criança pode confundir letras, cometer erros ortográficos, não conseguir ler ou outros impedimentos no aprendizado.

A dislexia infantil é uma das causas mais comuns, que se caracteriza pela dificuldade de aprendizagem. O transtorno tem origem neurobiológica e atrapalha as habilidades ligadas à linguagem, sobretudo a leitura.

Por mais que a dislexia seja uma das razões que causa a dificuldade na escola, não é a única. Portanto, é importante buscar ajuda profissional para ter o diagnóstico correto.

Por que meu filho não consegue aprender?

O primeiro dia de aula sempre gera grande expectativa nos pais ou responsáveis. Afinal, é uma nova fase na vida dos pequenos e será cheia de novidades e aprendizados importantes.

Nesse sentido, às vezes a criança começa a apresentar problemas para absorver o que é ensinado nas aulas. Assim, são percebidas dificuldades em lembrar os nomes das letras e seus fonemas, incompreensão de leitura e outros contratempos.

Esses sintomas estão mais ligados à dislexia, mas o transtorno de escrita dificulta o processo de pontuar as palavras e soletrar corretamente, por exemplo, além de impedir que a criança consiga colocar suas ideias no papel.

Já o TDAH (Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade), por sua vez, reduz a capacidade de concentração e dificulta a tarefa de se lembrar de informações.

Leia também: Hiperatividade: o que é e como lidar com esse transtorno

Existe uma cura?

Como ajudar a criança com dificuldade em português

Sabemos que para a criança pode ser bem difícil não conseguir seguir o ritmo da turma ou precisar de auxílio especial. No entanto, as dificuldades com a língua portuguesa podem ser contornadas de acordo com a causa do problema.

Como a raiz do problema pode ser diversa, é preciso investigar para encontrar o motivo certo e começar o tratamento adequado. Para isso, busque ajuda de profissionais especializados, como pediatra, psicólogo e neurologista.

O apoio de uma equipe multidisciplinar será essencial para entender o que está acontecendo com a criança.

Veja também: Aumento do vocabulário e outros benefícios da leitura

Como ajudar a criança com dificuldade em português?

Os problemas em aprender a língua portuguesa podem ser bem frustrantes para algumas crianças. Elas não entendem por que não estão conseguindo acompanhar os coleguinhas em sala de aula, nem compreendem como não conseguem aprender a ler e escrever normalmente.

Portanto, esses já são bastante inconvenientes para crianças que deveriam estar aproveitando a fase de aprendizagem, não é mesmo?

Veja dicas de como ajudar a criança e melhorar o aprendizado de português e outras habilidades!

1 – Contrate aulas particulares

Essa é uma das primeiras medidas que passam pela cabeça dos pais quando a criança começa a apresentar dificuldades em alguma matéria. Todavia, lembre-se de que é necessário um ensino especial para os pequenos que têm algum tipo de transtorno de aprendizagem.

No caso da dislexia, a gramática é extremamente trabalhosa e cansativa. Além disso, a disortografia também é indissociável do transtorno dislexo. Dessa forma, ter aulas particulares com um professor que tenha preparação para lidar com alunos disléxicos é algo bastante positivo.

Encontre alguém que tenha a metodologia pedagógica voltada a crianças com dislexia. Além disso, as aulas particulares são criadas pensando especialmente nas necessidades de cada aluno. Ou seja, é focada nas soluções sob medida para as dificuldades da criança.

2 – Trabalhe as habilidades sociais e emocionais da criança

Criança com dificuldade em português: como ajudar os pequenos?

Por mais que os transtornos de aprendizagem não tenham origens psicológicas, algumas ações contribuem para que o desempenho dos pequenos melhore ou piore. Oferecer um espaço acolhedor que não julgue as dificuldades é mais saudável do que um lugar em que a criança se sente diminuída.

Desse modo, é importante trabalhar nas habilidades sociais e emocionais, pois proporcionam maior segurança para a criança. Os problemas escolares podem deixar o aluno triste, desmotivado e se sentindo inferior, então é fundamental explicar que ele apenas aprende de maneira diferente dos demais.

Inserir a criança em outras atividades que mostrem como ela tem outros pontos fortes é uma boa saída. Esportes em equipe e outras tarefas ajudam a desenvolver a autoconfiança, além de motivar e alegrar.

3 – Conte com exercícios adaptados

As crianças com dificuldades em português não precisam passar pelo estresse de tentar resolver as mesmas atividades que outros alunos. Você sabia que existem exercícios criados especialmente para os pequenos disléxicos?

É possível até mesmo encontrar livros a respeito do assunto e manuais que ajudam a entender esse contexto. Nessa literatura, também há indicações de tarefas adequadas para as necessidades das crianças. A internet também é uma grande fonte de informações que pode ser usada para esse propósito.

4 – Incentive o hábito da leitura desde cedo

A leitura é um hábito adquirido que precisa ser reforçado desde cedo. Até mesmo enquanto o bebê ainda está na barriga da mãe já é possível contar histórias.

Incluir a leitura no dia a dia faz que a criança pegue o gosto pela literatura, e essa ação é muito benéfica quando há dificuldades com a língua portuguesa. Desde pequenos, você pode dar acesso aos livros, contar histórias e conversar com os pequenos sobre o assunto.

Crie um cantinho especial para a leitura de livros e contação de histórias ou reserve um momento do dia somente para isso. Estimular esse gosto pela leitura também incentiva o aprendizado, pois aguça a curiosidade.

Para a criança com dificuldade em português, as brincadeiras também são muito bem-vindas! Escolha uma palavra e incentive a criança a encontrá-la no dia a dia, seja nas ruas, em passeios, na escola, em brinquedos ou em qualquer outra situação.

Esse exercício é muito interessante para melhorar a identificação de palavras e letras, facilitando o aprendizado da língua portuguesa.

Por fim, você pode contar o clube de leitura do Quindim para receber uma seleção única de obras para ler junto da criança com dificuldade em português. Dessa forma, o hábito de leitura será reforçado e o desenvolvimento infantil será potencializado com leituras incríveis!

Assine o Clube Quindim

APROVEITE ESTE MOMENTO PARA INCENTIVAR A LEITURA!