Seleções > Piratas à vista!

PIRATAS À VISTA!

Texto: Samir Machado de Machado

Ilustração: Rafael Coutinho

Editora: FTD
Das águas costeiras de Pernambuco ao Rio de Janeiro, uma novela de piratas revela os perigos e descaminhos da Frota do Ouro, os conflitos da Guerra dos Emboabas, a exploração, os mineradores e os administradores portuguesas em terras brasileiras.
SINOPSE
Foto do resenhista Peter O' Sagae
por Peter O' Sagae

Apesar da atividade pirata ser pressentida e bem descrita desde tempos muito afastados, dentre os fenícios e antigos navegadores da Magna Grécia, pilhando navios e fazendo vítimas entre mares e praias, o gênero literário relativo ao comércio e crimes marítimos viria a surgir após a Época Dourada da Pirataria dos séculos XVI e XVIII. Transformando em libertários heróis românticos aqueles homens que não obedeciam leis fixas de qualquer governante, as novelas de aventura, no estilo capa e espada, parecem vir à tona a partir de um livro informativo e investigativo de Daniel Defoe, o autor do Robinson Crusoé que escreveu, nos anos 1724 a 1728, uma história dos piratas. Remotamente, a literatura brasileira nunca se importou com esses personagens de moralidade ambígua que viriam a se tornar figuras de uma literatura juvenil de maneira tardia.

Neste novo horizonte ou contexto de leitura, a novela de pirataria de Samir Machado vem mesclar fatos de ficção e uma revisão de nossa história pouco explorada. Na época de Dom João V, o Brasil colonial pertencia à coroa portuguesa e muito ouro de nossa terra atravessava o Atlântico rumo à Europa. Os navios, obviamente, chamavam a atenção de dedicados piratas sem bandeira e corsários de outras pátrias, como Jean-François Duclerc a quem não só interessa a riqueza sobre as águas, como também possuir o mapa das terras do Rio de Janeiro revelando o caminho para tomar de assalto a Casa da Moeda.

Nessa trama envolta em calor, zunido e ferrão de insetos, tesouros escondidos, bandeirantes e emboabas, crenças populares e o incessante fogo de pequenas artilharia, três jovens amigos – Jorge, André e Leonor – tudo fazem para salvar a pátria do perigo! Desta forma, encontramos, a novela de piratas ocupando-se de recapitular a história brasileira, nos episódios políticos e sociais que permanecem ainda desconhecidos de nossas vistas.

INFORMAÇÕES TÉCNICAS
Faixa etária: 9+
Ano: 2019
País: Brasil
ISBN: 9788596023009
DIMENSÕES E ACABAMENTO
23.8 cm x 16.6 cm x 1.4 cm
Peso: 386 g
Páginas: 192
COMPETÊNCIAS GERAIS BNCC
Empatia e cooperação, Responsabilidade e cidadania, Repertório Cultural, Trabalho e Projeto de Vida
TIPOS DE LEITURA
Para refletir, Para se divertir
GÊNEROS
Novela, Narrativa de aventura, Realismo histórico
ASSUNTOS
Suspense, Aventura, Diferenças sociais, História Geral, Espaço urbano, Comércio, Adolescência, Piratas, Meios de transporte, Navio, Administração Pública, Perseguição, História do Brasil, Personalidades históricas
SOBRE SAMIR MACHADO DE MACHADO
Samir Machado de Machado é um escritor, editor e designer gráfico brasileiro, nascido em Porto Alegre. Formou-se em publicidade e propaganda, mas também cursou criação literária pela PUC-RS, fundando a Não Editora em 2007. Conquistou o Prêmio Açorianos em diversas ocasiões, nas categorias capa de livro literário e narrativas longas.
leia mais...
SOBRE RAFAEL COUTINHO
Rafael Coutinho é paulistano, quadrinista, autor de novelas gráficas, pintor, ilustrador e animador brasileiro, filho da cartunista Laerte. Começou sua carreira profissional aos dezesseis anos, participou do coletivo Base-V produzindo trabalhos experimentais, pintura mural e exposições.
leia mais...

CLUBE DE LEITURA QUINDIM

CNPJ 21.796.019/0001-66
atendimento@quindim.com.br
(11) 4563-6701

Site protegido por reCAPTCHA Enterprise e Google, de acordo com as Políticas de Privacidade e Termos de Serviço.
2022© Clube de Leitura Quindim - Marca registrada e todos os direitos reservados - versão 3.5.35