Seleções > Malala, a menina que queria ir para a escola

MALALA, A MENINA QUE QUERIA IR PARA A ESCOLA

Texto: Adriana Carranca

Ilustração: Bruna Assis Brasil

Editora:
Malala, a mais jovem ganhadora do prêmio Nobel da Paz, é apresentada às crianças por meio de fatos colhidos numa investigação jornalística brasileira. Uma aventura e tanto!
SINOPSE
Foto do resenhista Dauana Vale
por Dauana Vale

Uma expedição jornalística até o Vale do Swat, no Paquistão, resultou neste livro que conta a história de Malala para as crianças. A brasileira Adriana Carranca percorreu trajetos e espaços familiares da menina que, por querer exercer o direito de estudar, foi ameaçada, baleada e se tornou símbolo mundial da luta pelos direitos humanos.

Na cultura paquistanesa, meninas, ao nascerem, sequer são anunciadas. E são criadas para casarem cedo. Malala, que possui uma relação especial com o pai, não se limitou à invisibilidade feminina de sua cultura e recebeu os mesmos direitos que os meninos. Na escola, ela é descrita por suas amigas como a mais falante, sorridente e estudiosa.

O relato é tenso ao descrever como a comunidade onde vivia Malala é invadida por extremistas e novas leis. E, a partir de então, o Estado Talibã passa a nortear até mesmo a maneira de as pessoas serem no mundo, seus pelos, sorrisos, desejo de estudar... A protagonista, sua família e muita gente passou (e passa) por isso. Na época, as meninas foram proibidas inclusive de ler e ir à escola, mas encontraram um jeito de estudar. Malala, com o uso de um pseudônimo, cria um blog para denunciar tudo de mais horrendo que ocorria por lá. Tempos depois, o Talibã se vinga, baleando-a na cabeça. Malala sobrevive e segue lutando pelos direitos de meninas e mulheres no mundo inteiro.

A descrição de Adriana é repleta de detalhes. Cheiros, sons e sensações embalam a leitura de tal forma que um lugar nunca visitado pelo leitor parece até familiar. Então, fica a pergunta: de que outra forma poderíamos viajar pelo Paquistão, se não pela Literatura? Os livros podem nos levar a lugares nunca visitados sem mesmo sairmos de casa. E ainda estreitam as diferenças e aproximam culturas aparentemente tão distintas.

As belas ilustrações são da Bruna Assis Brasil, que compôs uma Malala colorida, doce e forte. 

INFORMAÇÕES TÉCNICAS
Faixa etária: 6-8, 9+
Ano: 2015
País: Brasil
ISBN: 9788574066707
DIMENSÕES E ACABAMENTO
22.5 cm x 15.5 cm x 0.8 cm
Peso: 220 g
Páginas: 96
COMPETÊNCIAS GERAIS BNCC
Pensamento científico, crítico e criativo, Conhecimento, Repertório Cultural, Trabalho e Projeto de Vida
PRÊMIOS
Prêmio FNLIJ - Escritor revelação, Prêmio FNLIJ - Informativo
TIPOS DE LEITURA
Para refletir, Para sentir medo, Para se emocionar, Para conversar sobre temas difíceis
GÊNEROS
Livro informativo, Biografia, Realismo crítico, Realismo histórico
ASSUNTOS
Guerra, Feminino, Violência, Escola, Mudança de cidade ou país, Refugiados, História Geral, Direitos Humanos, Protagonismo feminino, Contemporaneidade, Malala Yousafzai, Personalidades históricas
SOBRE ADRIANA CARRANCA
Foto do autor Adriana Carranca
Premiada escritora e jornalista especializada na cobertura de conflitos, crises humanitárias e direitos humanos. Repórter especial dos jornais O Globo e O Estado de São Paulo. Realizou verdadeiras expedições em países muçulmanos como Egito, Irã e em territórios palestinos da Faixa de Gaza e Cisjordânia. Acompanhou conflitos africanos como as guerras na República Democrática do Congo, Sudão do Sul e Uganda. É co-fundadora da Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo. Possui Mestrado em Jornalismo pela Columbia University.
leia mais...
SOBRE BRUNA ASSIS BRASIL
Foto do autor Bruna Assis Brasil
A artista se dedica a ilustrações de livros para crianças desde 2009 e possui cerca de 30 títulos publicados. É graduada em Jornalismo (PUC-PR) e Design Gráfico (UNICURITIBA) e especialista em Ilustração Criativa pela Escola de Disseny i Art de Barcelona. Já publicou dezenas de livros em parceria com diversos autoras e autores brasileiros. Bruna possui um traço característico e muito se utiliza de colagens e fotografias. Em 2013 foi indicada ao Prêmio Jabuti na categoria Melhor Ilustração.
leia mais...

CLUBE DE LEITURA QUINDIM

CNPJ 21.796.019/0001-66
atendimento@quindim.com.br
(11) 4563-6701

Site protegido por reCAPTCHA Enterprise e Google, de acordo com as Políticas de Privacidade e Termos de Serviço.
2022© Clube de Leitura Quindim - Marca registrada e todos os direitos reservados - versão 3.5.35