Seleções > É preciso soltar o Gaspar!

É PRECISO SOLTAR O GASPAR!

Texto: Geoffroy de Pennart

Ilustração: Geoffroy de Pennart

Tradutores: Gilda de Aquino

Editora: Brinque-book
Um livro ilustrado em ritmo de picturebook para ler de capa a capa, intertextualmente, no balanço das fábulas e dos contos populares!
SINOPSE
Foto do resenhista Peter O' Sagae
por Peter O' Sagae

Muitas vezes, antecipando a construção dos sentidos da história, a leitura se faz da capa para dentro do livro — e temos, com Geoffroy de Pennart, um bom exemplo de jogo literário. Pra começar, o título é uma frase completa: É preciso soltar o Gaspar! E podemos indagar ao leitor quem a diz, quem é a personagem, como a vemos, o que ela faz em uma motocicleta correndo a toda velocidade? Observe também a estrada de terra, a fumaça, os traços que indicam a trepidação, a inclinação dos braços, o olhar, os nervos tensos, os chifres e os sapatos femininos... quem é ela, quem é Gaspar, onde estará preso, quem o prendeu?

Abrindo o livro, no lugar das páginas de guarda, temos uma galeria de retratos de antigos personagens de fábulas e contos populares, tudo misturado: três ursos, três porquinhos, ovelha, cegonha, touro, lobos e cabritinhos, vários e vários cabritinhos!! Mesmo o pequeno leitor poderá navegar pela memória intertextual de diferentes histórias que ouviu ou conheceu em livros e desenhos animados. Pois agora esses personagens viverão uma nova aventura, reunidos numa narrativa que se tece com o ritmo da lengalenga num conto acumulativo.

Tudo começa com um cheiro doce e quentinho espalhando-se pelo ar e a Dona Cabra guardando um prato de rosquinhas para esfriar na despensa. No entanto, Gaspar, o cabritinho número cinco, sente um desejo irresistível e... acaba preso lá dentro, quando a porta bate violentamente e a chave se quebra na fechadura. Está pronta a confusão neste livro em que lemos a ilustração e o texto-legenda, mais as onomatopeia e outros sinais gráficos que marcam a linguagem das histórias em quadrinhos, revisitando outras tantas narrativas da literatura tradicional. Mas não somente isso: a ironia dos desenhos e dos personagens coadjuvantes levam-nos também ao clima da sátira e da crítica de costumes: todos os homens estão sempre ocupados demais com seus trabalhos para ajudar a mamãe Cabra até que... a ajuda vem solidariamente de outra personagem que você descobrirá lendo e vendo o livro!

INFORMAÇÕES TÉCNICAS
Faixa etária: 0-2, 3-5, 6-8
Ano: 2016
País: França
ISBN: 9788574125404
DIMENSÕES E ACABAMENTO
24.6 cm x 18 cm x 0.4 cm
Peso: 160 g
Páginas: 36
COMPETÊNCIAS GERAIS BNCC
Autoconhecimento e autocuidado, Conhecimento, Repertório Cultural
TIPOS DE LEITURA
Para refletir, Para se divertir
GÊNEROS
Álbum ilustrado, Narrativa acumulativa, Fábula e história de animais
ASSUNTOS
Família, Maternidade, Mãe, Acidente, Lobo, Humor, Animais, Altruísmo, Intertextualidade, Superproteção, Cuidados, Filhos pequenos
SOBRE GEOFFROY DE PENNART
Foto do autor Geoffroy de Pennart
Nasceu em 1951, em Paris. Formou-se na Escola Superior de Artes Gráficas em 1974 e matriculou-se como trabalhador autônomo. Os seus primeiros empregos remunerados foram mapas geográficos, depois obteve encomendas de vários jornais e, por fim, ganhou a vida fazendo ilustrações e gráficos para empresas (publicidade, formação, comunicação interna). Esta continua a ser uma parte importante da sua atividade hoje.
leia mais...

CLUBE DE LEITURA QUINDIM

CNPJ 21.796.019/0001-66
atendimento@quindim.com.br
(11) 4563-6701

Site protegido por reCAPTCHA Enterprise e Google, de acordo com as Políticas de Privacidade e Termos de Serviço.
2022© Clube de Leitura Quindim - Marca registrada e todos os direitos reservados - versão 3.5.35