Seleções > Casa do Cuco

CASA DO CUCO

Texto: Alexandre Camanho

Ilustração: Alexandre Camanho

Editora: Pulo do Gato
Uma densa floresta, uma bruxa maldosa e um astuto Cuco são as personagens desse conto que nos apresenta uma origem instigante para os tão famosos relógios cucos.
SINOPSE
Foto do resenhista Lucélia Souza
por Lucélia Souza

Nas antigas florestas viviam criaturas desconhecidas, seres pouco amigáveis e um astuto pássaro, que para proteger os outros seres da floresta, avisava a todos dos perigos, principalmente sobre a bruxa maldosa que ali também habitava.

Com suas traquitanas e armadilhas, a bruxa capturava os animais da floresta para cozinhá-los, porém do alto das árvores um canto de alerta sempre vinha para tentar salvar os animais: - Cuco, Cuco, Cuco. A bruxa odiava o Cuco e não admitia haver alguém mais esperto que ela, e essa rivalidade crescia cada vez mais.

Uma noite, um forasteiro mercador de objetos raros e exóticos, chegou na floresta e foi até a bruxa. Ofereceu comprar todos os animais engaiolados, mas ela não se interessou por ouro e prata e antes de bater a porta na cara do mercador um som curioso saindo de uma caixa de madeira chamou a sua atenção. Era o objeto de seu desejo: uma caixa com o Cuco. Seus olhos faiscaram, uma nova proposta foi feita e em troca daquele pássaro encantador ele queria todos os animais capturados. A velha não resistiu à tentação! Com a troca feita, o mercador foi embora e ela teve que aguardar a tranca mágica da caixa do Cuco se abrir e com isso teve uma inesperada surpresa. Percebeu que havia sido enganada e prometeu vingança...

Com texto e ilustração de Alexandre Camanho, A casa do cuco, tem em toda sua obra uma áurea de inspiração dos clássicos contos de encantamento: ações de personagens, as ilustrações em traços delicados, com cores aplicadas vivamente sobre o desenho, reforçando o contraste entre elas, as figuras e o fundo que lembram o estilo de antigos livros, extremamente cheio de detalhes. A alternância entre páginas ilustradas e páginas que narram intensificam e ampliam o clima de suspense e perigo que paira no ar. Há também a moral da história, comum a esses textos: - “Ninguém nunca sairá completamente vencedor de uma disputa”.

INFORMAÇÕES TÉCNICAS
Faixa etária: 3-5, 6-8, 9+
Ano: 2017
País: Brasil
ISBN: 9788595760035
DIMENSÕES E ACABAMENTO
26.4 cm x 26 cm x 0.4 cm
Peso: 349 g
Páginas: 44
COMPETÊNCIAS GERAIS BNCC
Empatia e cooperação, Responsabilidade e cidadania, Argumentação
TIPOS DE LEITURA
Para refletir, Para se divertir
GÊNEROS
Álbum ilustrado, Mito e lenda, Conto, Reconto
ASSUNTOS
Suspense, Natureza, Argumentação, Aposta, Floresta, Animais reais e imaginários, Bruxas, Seres mágicos, Artimanhas, Cuco, Esperteza
SOBRE ALEXANDRE CAMANHO
Foto do autor Alexandre Camanho
Alexandre Camanho é um renomado ilustrador brasileiro, com foco em livros de literatura para crianças e jovens. Nasceu em São Paulo, formou-se em comunicação social e artes plásticas, pela Universidade de São Paulo – USP e é também professor de comunicação visual, lecionando ilustração e projetos tridimensionais. Como ilustrador, trabalha para jornais, revistas e editoras, tendo recebido prêmios e a menção Altamente Recomendável da FNLIJ. Foi agraciado com o Prêmio Jabuti em 2015, na categoria de ilustração em livros infantis com o Os três ratos de Chantilly.
leia mais...

CLUBE DE LEITURA QUINDIM

CNPJ 21.796.019/0001-66
atendimento@quindim.com.br
(11) 4563-6701

Site protegido por reCAPTCHA Enterprise e Google, de acordo com as Políticas de Privacidade e Termos de Serviço.
2022© Clube de Leitura Quindim - Marca registrada e todos os direitos reservados - versão 3.5.35