O que os olhos não veem, de Ruth Rocha, vem encantando gerações desde 1981. Mas por que essa obra é tão atual para a infância de hoje?